SEBRAE RJ

Grandes Empreendimentos

Imagem de título do setor Grandes Empreendimentos
24 de setembro de 2020

Segundo executivo da DocuSign, a adoção de tecnologia não é algo opcional

“Quanto mais níveis de autenticação numa transação, maior a segurança jurídica”, afirma André Adedo, head LATAM de Business Development da empresa

Segundo executivo da DocuSign, a adoção de tecnologia não é algo opcional

Na DocuSign desde 2014 após um processo de M&A onde ajudou a liderar a aquisição da Comprova.com pela gigante de assinatura eletrônica, André Adedo, head LATAM de Business Development da empresa disse, durante sua participação em live promovida pela Mercado&Consumo que, “quanto mais níveis de autenticação numa transação, maior a segurança jurídica”.

Ao dividir o painel digital com Martha Gabriel, escritora, palestrante, futurista e partner na FuturoDosNegocios.com.br e Paula Paschoal, diretora Sênior da Paypal Brasil, o executivo falou sobre a diferença dos tipos de assinatura digital disponíveis, e que hoje são ofertadas pela DocuSign. Uma delas é a digital, realizada com o certificado digital e emitido por uma entidade certificadora. A outra é a assinatura eletrônica, que não precisa de certificação. Segundo Adedo, ambos modelos têm validade jurídica, o que muda entre um ou outro, é o risco que está envolvido naquele negócio. “Legalmente falando, tudo tem valor jurídico. Todo negócio no mundo digital garante qualquer estrutura probatória daquela realizada em meio físico. Ou seja, toda relação entre as partes, usando meios eletrônicos ou digitais, serve como prova”, explicou.

Com o aumento de volume nas transações online e, consequente aumento das tentativas de fraude, o usuário está mais alerta para ter uma camada extra de segurança nessas transações, desde meios de pagamento até assinaturas digitais. “Quanto mais níveis de autenticação numa transação, maior a segurança jurídica”, disse Adedo.

Questionado sobre a incorporação da cultura digital, André contou que todo mundo já mudou e que a “adoção de tecnologia não é algo opcional”. Para ele, o que falta agora são as pessoas levarem essa série de processos que eles aceitam em sites sociais para o ambiente de negócios.

O webinar contou com o apoio da DocuSign, pioneira no desenvolvimento da tecnologia de assinatura eletrônica, que hoje ajuda as organizações a se conectarem e automatizarem como preparam, assinam, agem e gerenciam seus contratos.

Fonte:
Mercado e Consumo
Autor:
Por Imprensa Mercado & Consumo
Publicado em:
14 de agosto de 2020

Você também vai gostar de ler